Siga me

6 de out de 2008

Poema de um amigo

Tempo

O tempo passa e muita coisa muda,
Não volta, não pára, é irrecuperável.
Aproveite a vida e nunca se iluda
O agora tem valor incalculável.

O tempo é poderoso e forte
Ele traz dor, angústia e saudade.
Porém, quando passa, ele faz um recorte...
Tira o que um dia trouxe, serena verdade.

O relógio é quem marca os segundos percorridos
O que se passou? Horas ou minutos?
Não importa! Se forem bem vividos...
Milésimos serão grandiosos! Absolutos!

Miguel Ricardo Patricio

Um comentário:

  1. Adoro esse poema!
    Mas quando li que havia postado um escrito meu, jurei que fosse o poema MULHER...hehehe
    Mas essse poema é, modéstia à parte, muito legal!
    Beijos e boa semana!
    Quando atualizar aqui me avisa que dpou uma passeada e comento!^^

    ResponderExcluir

Sejam bem vindos, adoro sua visita e seu comentário
Sintam se a vontade para faze-lo.
Obrigada!!!

Márcia